Henna trata o cabelo?

Além de não desbotar, um dos conhecidos pontos positivos da henna é o fato dela tratar o cabelo enquanto colore. Mas henna trata mesmo o cabelo?

Bom, ela trata sim! Porém cada caso é um caso e com a variedade imensa de tipos de cabelo, o que pode ser bom pra um, pode ser ruim pra outro. De fato, com a aplicação da henna nos cabelos, o lawsone (pigmento da planta) acaba por preencher e revestir a cutícula dos fios, “fechando” possíveis cutículas que estariam abertas. Isso diminui a quantidade de pontas ásperas e cutículas desgastadas, podendo resultar em cabelos mais brilhosos e suaves, além de menos embaraçados. A henna acaba por adicionar mais uma camada de força aos cabelos.

Muitas pessoas vêem a henna como um ótimo tratamento reconstrutor*, pois o cabelo fica com mais massa, mais forte e mais resistente a danos e quebra. Porém a henna não substitui a queratina nem outras proteínas necessárias aos fios, logo, se seu cabelo precisa de queratina, a henna não tem a capacidade de a repor nem substituir. Também é importante dizer que a henna não hidrata* o cabelo, mas pode ser adicionado creme branco à receita para proporcionar hidratação.

A henna ainda é conhecida por ser uma boa alternativa contra o couro cabeludo escamoso, assim como evita a caspa por ser naturalmente anti-fúngica e antibactericida :)

Brave_Merida_Icon

“Cabelo duro” com henna e cachos sem definição

Um efeito da henna em cabelos crespos, cacheados e ondulados é a perda ou falta de definição dos cachos e da textura do cabelo. Isso acontece pelo “peso” que as camadas de henna vão acrescentando ao cabelo (olha a gravidade aí, gente :P). É comum com o uso da henna notar que o fio está mais grosso e encorpado, justamente pelas camadas de lawsone que vão se sobrepondo.

Se este for um problema para o seu cabelo – caso ele seja mais grosso e esteja pesando muito com a henna -, o recomendado é fazer umectações entre as aplicações para retirar o excesso de camadas de pigmento (lembrando que a frequência varia de cabelo para cabelo e lembrando que umectação desbota a henna: em breve será explicado melhor!). Outra opção, dependendo do resultado que procura, é usar uma receita que não leve uma concentração de henna tão alta.

Em pessoas com cabelo fino/liso esse fator não parece ser necessariamente um problema, pois o uso constante da henna dá mais corpo e densidade ao cabelo.

É importante dizer, porém, que cada pessoa pode apresentar resultados diferentes! Nem todo cabelo cacheado vai “perder” cachos e ficar sem definição. Algumas pessoas notam uma leve diferença, outras notam mais, então os cuidados e precauções variam.

Uma outra explicação para o cabelo “duro” com henna é a quantidade de ácidos usada na receita. Como a henna é aplicada durante horas nos fios, caso contenha muito ácido, o cabelo pode ficar ressecado, duro e com frizz pela agressividade dessa acidez. Se isso tiver acontecido com você, tente pegar leve com a quantidade que tem usado na receita.

Só pra finalizar: o uso da henna com a finalidade de colorir os cabelos é recomendado em cabelos saudáveis. Cabelos porosos e danificados provavelmente irão desbotar por não conseguirem segurar o pigmento pela falta de massa capilar. Então o melhor é pensar na henna não como um tratamento que vai salvar seus cabelos (spoiler: não vai), mas como um tratamento complementar, que tornará o cabelo mais forte (e ruivo!). Cabelos bonitos são resultado de hábitos saudáveis, tratamentos com cosméticos específicos e paciência. :D

*Caso não saiba a diferença entre hidratação, nutrição e reconstrução, sugiro dar um google :)

FONTES
Black Girl with Long Hair
Curly2Kinky

Anúncios